ANTAQ se reúne com representantes da Guarda Costeira dos EUA

Código ISPS foi um dos tópicos da reunião
 Adalberto Tokarski (E) e Todd Sokalzuk: reunião sobre segurança nos transportes aquaviários

A ANTAQ se reuniu, nesta segunda-feira (6), com representantes da Guarda Costeira dos Estados Unidos. A reunião aconteceu na sede da Agência, em Brasília. O diretor da ANTAQ, Adalberto Tokarski, participou dos trabalhos. O contra-almirante Todd Sokalzuk foi um dos representantes da comitiva norte-americana. O adido da Guarda Costeira junto à Embaixada dos EUA no Brasil, Pedro Jimenez, também esteve presente.

O objetivo do encontro foi discutir tópicos relacionados ao Código ISPS e outras certificações nos portos brasileiros, controle dos transportes aquaviários no Brasil, além da experiência do Centro Integrado de Combate ao Crime Organizado (Ciccon), do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia (Censipam).

O assessor do Censipam, Cláudio Vieira Mendes, fez uma apresentação sobre o combate brasileiro ao narcotráfico e contra os crimes que acontecem, notadamente, na Região Amazônica, entre eles pesca ilegal, tráfico de armas, prostituição infantil. Destacou, ainda, que a integração entre os órgãos de segurança de outros países, como Peru, Bolívia e Colômbia, é fundamental para combater a criminalidade.

Tokarski ressaltou que reuniões entre as autoridades brasileiras e integrantes da Guarda Costeira dos EUA são fundamentais para troca de informações e de experiências relacionadas às questões de segurança. O diretor da ANTAQ defendeu possíveis parcerias entre o Brasil e o país norte-americano para que haja uma melhora na segurança na Região Amazônica e no Brasil, principalmente no combate ao narcotráfico.